Série especial Vale dos Pomares – Região Meio-Oeste de SC é destaque na produção de frutas

Reportagem divulgada em julho de 2019

Imagine 10 mil campos de futebol. Essa é a área plantada de pomares de maçã, uva, pêssego, ameixa, figo, pera, morango, laranja e outras frutas na região Meio-Oeste de SC.

A fruticultura ocupa lugar importante na economia de muitos municípios da região como Fraiburgo, Pinheiro Preto, Tangará. E até mesmo cidades polo como Caçador e Videira.

Esse é o tema da série Vale dos Pomares. A reportagem das emissoras da RBV Rádios conversaram com produtores de vários municípios e de diferentes frutas para mostrar o potencial, os desafios e, acima de tudo, como a pesquisa e a tecnologia têm contribuído para esse ramo de atividade.

Meio-Oeste de SC é destaque na produção de frutas

Você conhece o potencial das frutas na nossa região? 🍑🍇🍎A RBV Rádios pesquisou, reuniu informações e mergulhou fundo no assunto. Afinal, a fruticultura também é um dos pilares econômicos do Meio-Oeste Catarinense. ➡ Veja um resumo dessa reportagem especial 🎥

Posted by Rádio Videira on Wednesday, July 10, 2019

A primeira reportagem da série é do jornalista Murilo Roso.

Tecnologia ajuda na produção de pêssego e morango
Sistema de irrigação evita perdas com geadas no pomares de pêssego em Tangará

Atrás da maçã e da uva, o pêssego é a terceira fruta mais plantada na região Meio-Oeste de SC. Tem um bom valor no mercado quando os frutos são de qualidade. Mas é uma cultura bastante suscetível ao clima. Uma geada tardia, por exemplo, pode ocasionar a perda total de pomares.

Para evitar prejuízos, produtores de Tangará estão investindo em tecnologia. Um sistema diferenciado de irrigação tem sido um aliado importante para os pomares de pêssego, tanto em época de estiagem quanto geada.

E em Pinheiro Preto agricultores investiram na produção hidropônica de morango, na qual as mudas são plantadas em bancadas suspensas dentro de estufas.

Confira na segunda reportagem da série Vale dos Pomares, da RBV Rádios, com Mayara Bohnenberger, da Rádio Tangará.

Pesquisa desenvolve novas variedades de maçã e pera
Em Caçador fruticultores estão investindo em novos pomares com as cultivares lançadas pela Epagri

Desde a década de 70, a Epagri vem desenvolvendo pesquisas em melhoramento genético de macieira. São mais de 45 anos de trabalho e 19 novas cultivares lançadas no mercado. O enfoque do projeto está em duas grandes linhas: adaptação climática e resistência às doenças.

Para ser ter uma ideia da importância desse projeto, a cultivar Monalisa, que faz sucesso na França, passou esse ano a render royalties para SC.

No município de Caçador, fruticultores estão apostando na maçã, entusiasmados com as novas variedades desenvolvidas pela Epagri.

Outra fruta que tem potencial de mercado e está ganhando espaço na região é a pera, também com apoio da pesquisa.

Confira a reportagem de Lucas Arigoni, da Rádio Caçanjurê.

Vale do Rio do Peixe produz 86% da uva em SC
Com variedades diversas, a região se destaca também na produção de vinhos

Com 1.700 hectares de parreiras, a região do Vale do Rio do Peixe é a maior produtora de uvas em Santa Catarina. São 19,9 mil toneladas da fruta, o que corresponde a 86% da produção estadual. Os municípios que protagonizam esse cenário são Caçador, Pinheiro Preto, Tangará e Videira.

São diversas variedades de uvas cultivadas na região, tanto para o consumo de mesa como para a produção de suco, vinhos e espumantes.

Em reportagem da série Vale dos Pomares, a RBV Rádios conversou com pesquisadores, técnicos e produtores para saber um pouco mais sobre a viticultura.

Márcio Luiz, da Rádio Vitória.

Ameixa produzida na região é de alta qualidade

Além da maçã, uva e pêssego, a região do Vale do Rio do Peixe também é referência na produção de ameixa. Com 650 hectares de pomares, espalhados principalmente nos municípios de Fraiburgo, Videira e Tangará, é a região que mais produz no Brasil.

Segundo pesquisadores, além do clima favorável, a cadeia produtiva da ameixa na região é organizada, com fruticultores especializados. E isso reflete na qualidade da fruta, que faz sucesso entre os consumidores de todo o Brasil.

Na série especial da RBV Rádios – Vale dos Pomares – a reportagem mostra uma fruta exótica, mas que tem alto valor no mercado e pode ser alternativa na região Meio-Oeste de SC, a pitaya.

Fabiano Trindade, da Rádio Videira.

Produtores familiares agregam renda com figo e laranja
Apesar da fruticultura não ser expressiva na região de Campos Novos e Capinzal, ela é uma alternativa de renda

A fruticultura não tem participação significativa na economia da região de Capinzal. Mas alguns agricultores familiares conseguem agregar renda com pequenas vendas. Como é o caso de um produtor de figo no município, e um de laranjas em Campos Novos que abastece pequenos mercados da região.

Reportagem Alexon Luiz, da Rádio Barriga Verde.

Enfrute será de 23 a 25 de julho em Fraiburgo
Encontro é um dos mais importantes no Brasil na área de fruticultura

A Epagri, Uniarp e Prefeitura de Fraiburgo realizam nos dias 23, 24 e 25 de julho, em Fraiburgo, a 16ª edição do Encontro Nacional Sobre Fruticultura de Clima Temperado (Enfrute).

O evento acontece no Parque da Maçã e é um dos mais importantes da fruticultura brasileira.

Confira mais detalhes da programação do Enfrute na reportagem de Andrielli Zambonin. A matéria traz ainda informações sobre a Gala Gui, uma nova cultivar de maçã que tem potencial para ser a mais plantada do Brasil em breve.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.