Amarp receberá R$ 768 mil por mês para recuperação de rodovias

Região, que abrange 15 municípios, de 466 quilômetros de malha rodoviária

Os primeiros convênios para manutenção de rodovias estaduais, por meio do Projeto Recuperar, e o decreto que oficializa a criação do programa serão assinados amanhã em Florianópolis. No evento, o governador Carlos Moisés e o chefe Casa Civil, Douglas Borba, também assinam o termo de cooperação entre Casa Civil e associações de municípios para instalação e operacionalização dos Núcleos de Gestão de Convênios.

Participam da cerimônia o secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler, o presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), Joares Ponticelli, além dos prefeitos que presidem as associações de municípios e os consórcios públicos.

Já nesta primeira etapa do Projeto Recuperar, o Governo do Estado firma parceria com nove consórcios, que abrangem 16 das 21 associações de municípios existentes em Santa Catarina. Ao todo, 170 cidades serão atendidas.

Os convênios representam quase 4 mil quilômetros da malha rodoviária estadual e investimentos de R$ 6,5 milhões por mês.

Na região da AMARP, Associação dos Municípios do Alto Vale do Rio do Peixe, que abrange 15 cidades e um total de 466 quilômetros de rodovias, o valor mensal desse projeto do Governo do Estado será 768 mil reais por mês.

Após a assinatura dos convênios, caberá aos consórcios dos municípios executarem os serviços. Eles poderão contratar equipes ou aproveitar servidores das prefeituras, seguindo as condições mais adequadas para a realidade de cada região. O Estado fiscalizará a execução, com a contratação de pelo menos trinta engenheiros já aprovados em concurso público.

Fonte: Jornalismo Rádio Caçanjurê
Foto: Vvale
Comentários
Carregando...