Caso de ajuda: família mora em escola abandonada sem o básico para sobreviver

Fabiana mora na Comunidade Presidente Pena, há 16 km do Centro de Caçador; comunidade se mobilizou com o caso e doações foram realizadas para a família

A história de vida da jovem de 29 anos, Fabiana Oliveira, foi pauta da programação da Rádio Caçanjurê no dia de ontem. Além de lives no facebook, o programa Boa Tarde Cidadão, que já ajudou centenas de pessoas, realizou uma corrente do bem contando ao vivo a história da família.

Fabiana é natural de Caçador. Ela e o marido, Edenilson Ribeiro, moram com os três filhos em uma escola abandonada na Comunidade Presidente Pena, há 16 km do Centro de Caçador. Após dificuldades financeiras, desemprego o casal não conseguiu arcar com o aluguel de uma moradia na cidade e precisou mudar-se para essa escola, onde são autorizadas pela prefeitura de Calmon a ficarem abrigados.

A escola, que se tornou para eles uma casa, não possui muitas coisas. Não tem água, Luz ou saneamento básico. Na casa, a família tem um fogão, mas tem o gás para cozinhar alimentos. Uma estrutura improvisada deu conta de cozinhar os últimos alimentos da família para a janta da terça-feira.

Ontem, a família já não tinha do que se alimentar. As duas filhas mais velhas, de 6 e 10 anos, almoçaram na escola. Porém, Fabiana, o marido e o bebê, de 2 anos, ainda estavam sem se alimentar desde o início do dia.

Após a corrente do bem para ajudar a família, a comunidade Caçadorense se sensibilizou. Na manhã de hoje (08/08), muitas doações chegaram a rádio Caçanjurê. Leite, fraldas, alimentos e até roupas serão encaminhadas para a família.

Veja o vídeo:

Desespero: mãe e filhos passam fome e frio …

Desespero: mãe e filhos passam fome e frio …🙏😢😢😢As doações podem ser encaminhas até as 12:00 na Rádio Caçanjure a tarde vamos encaminhar para a família 🙏Compartilhe 🙏

Posted by Rádio Caçanjurê on Wednesday, August 7, 2019

Fonte: Jornalismo Rádio Caçanjurê
Foto: Jornalismo Rádio Caçanjurê
Comentários
Carregando...