FIESC participa em Dubai do Invest in Brazil

O presidente da entidade, Mario Cezar de Aguiar, e o 1° vice-presidente, Gilberto Seleme, que integram missão empresarial brasileira ao país árabe, participaram do fórum, promovido pela Apex-Brasil.

Em missão empresarial brasileira a Dubai, o presidente da Federação das Indústrias (FIESC), Mario Cezar de Aguiar, e o 1° vice-presidente da entidade, Gilberto Seleme, participaram do Invest in Brazil, fórum promovido pela Apex-Brasil que busca apresentar o país e mostrar as potencialidades de negócios para investidores estrangeiros. O evento contou com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, e dos ministros da Economia, Paulo Guedes; da Infraestrutura, Tarcisio de Freitas; da Agricultura, Tereza Cristina; de Minas e Energia, Bento Albuquerque; do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno; das Relações Exteriores, Carlos França; da Defesa, Braga Netto, e do Turismo, Gilson Machado.

Aguiar e Seleme também participaram do seminário Como Fazer Negócios com os Emirados Árabes. Eles integram missão à Expo Dubai, realizada pela CNI e Apex, de 13 a 19 de novembro, com a participação de 320 empresários brasileiros. É a maior missão de negócios brasileira já realizada na região.

“A indústria sempre foi o setor que mais contribuiu para que o país saísse de crises econômicas. A história mostra que, quando a indústria vai bem, a economia passa por um círculo virtuoso e próspero. O Brasil precisa de uma indústria forte e dinâmica para fazer a transição entre a retomada da atividade pós-pandemia e um novo e duradouro ciclo de crescimento”, afirmou o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, na abertura do fórum.

No encontro, os empresários defenderam que o Brasil precisa de uma indústria forte e dinâmica. O setor é central para o desenvolvimento econômico e social do país, além de ser essencial para oferecer produtos e novas tecnologias para outros eixos da economia, como a agricultura, o comércio e o setor de serviços. Em razão da extensa cadeia de conexões, com uma série de fornecedores e de clientes, na própria indústria e em outros setores, cada R$ 1 produzido na indústria gera R$ 2,40 na economia nacional como um todo.

A delegação brasileira participa da Expo Dubai 2020, a primeira expo mundial realizada no Oriente Médio e o maior evento já realizado no mundo árabe. A exposição abriu as portas em 1º de outubro, dura seis meses, e reúne exibições de 192 países, onde cada nação apresenta o que há de melhor em cultura, arquitetura, tecnologia e engenharia.

Com informações da Agência CNI

Fonte: Assessoria de Imprensa
Foto: Assessoria de Imprensa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email