Voluntárias doam 250 roupas de lã para crianças carentes

Projeto Mãos que Aquecem reúne voluntárias boas de tricô e com atitude nobre em Caçador

Mãos que aquecem. Esse é o nome de um projeto idealizado pela caçadorense Mari Ceola Biela, que formou uma rede de voluntárias boas de tricô e atitude nobre. O grupo confeccionou mais de 250 peças de roupas de lã para aquecer crianças carentes do município.

“Cada ponto no tricô é um gesto de amor. Confeccionamos blusas, gorros e cachecóis num total de aproximadamente 250 peças de lã”, diz Mari, que lançou o projeto há oito anos. Neste ano, uma remessa de roupas e acessórios já foi doada para a Cáritas Solidariedade, que por sua vez fará a entrega para as famílias cadastradas no projeto social.

A representante da Cáritas, Maria Antônia Ferreira, ressalta que os agasalhos vão fazer a diferença na vida das crianças durante o inverno.

“Queremos agradecer imensamente a Mari e as voluntárias por essas doações que são muito bem vindas”

Para a confecção de mais blusas, gorros e cachecóis, as voluntárias do pedem ajuda da comunidade com doação dos novelos de lã. Com o material, as mãos habilidosas fazem o trabalho para aquecer mais e mais crianças.