Menu

Regional de Videira já tem 77 casos de focos do mosquito da dengue em 2024

A eliminação dos recipientes que acumulam água é a única maneira eficaz de combater o Aedes aegypti

Fonte:
Portal RBV

Nos últimos dias, um aumento alarmante nos focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, tem preocupado os municípios da nossa região. Relatórios da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (DIVS) revelam que Santa Catarina já registrou mais de 4 mil casos prováveis de dengue em 80 municípios, com uma morte confirmada e duas em investigação.

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E RECEBA NOTÍCIAS

A bióloga Bruna Rodrigues, da Gerência Regional da Saúde de Videira, alerta para a necessidade de redobrar os cuidados preventivos.

“A nossa Regional da Saúde de Videira, composta por 20 municípios, já apresenta 77 casos de focos do mosquito, um número significativamente maior em comparação aos dados de 2023”, afirma.

Bruna enfatiza que a eliminação dos recipientes que acumulam água é a única maneira eficaz de combater o Aedes aegypti, destacando a importância da colaboração de cada cidadão na limpeza de seus quintais e residências.

Profissionais da saúde reuniram-se recentemente para discutir estratégias de enfrentamento da dengue na região. Um evento de capacitação realizado na UNOESC Campos Videira contou com a participação de médicos, enfermeiros e técnicos das vigilâncias epidemiológicas dos 20 municípios.

Veja também

Caçador registra 44 focos do mosquito da dengue em 2024

Dengue: Aumento de 105% de casos em SC e vacina em 2024

O médico infectologista Dr. Bruno Vittiriti abordou questões relacionadas ao diagnóstico e manejo clínico da dengue, enquanto os representantes da vigilância epidemiológica discutiram procedimentos de notificação e acompanhamento de casos.

Quanto à vacinação, está previsto que o imunizante contra a dengue seja aplicado a partir de fevereiro em crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos. Os primeiros municípios catarinenses a receberem as doses estão localizados no norte do estado de Santa Catarina e foram selecionados com base em critérios como incidência de casos e número de focos do mosquito.

Embora a vacinação seja uma medida importante, especialistas enfatizam que os cuidados preventivos, como a eliminação de criadouros do Aedes aegypti, continuam sendo essenciais para conter a propagação da dengue em nossa região.

Acompanhe o Portal RBV nas redes sociais:

YouTube

Facebook

Instagram

TikTok

Participe do grupo no Whatsapp do Portal RBV e receba as principais notícias da nossa região.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Outros Tópicos Interessantes

Últimas Notícias

Capotamento deixa motorista gravemente ferido em Lebon Régis

O Corpo de Bombeiro Militar de Lebon Régis atendeu...

Pinheiro Preto comemora 62 anos neste domingo

Neste domingo, dia 19 de maio, o município de...

Pedal UCC deve reunir mais de 300 ciclistas neste domingo em Caçador

A União Caçadorense de Ciclismo promove neste domingo (19)...

Projeto destaca a preservação de obras com valor histórico e de memória

A acadêmica Karoline Vezoli, do curso de Arquitetura e...

ACIC recebe palestra sobre Estratégia Empresarial

No mês de abril a Associação Empresarial de Caçador...

Mais Lidas da semana

Motorista é arremessado do carro durante capotamento

O Corpo de Bombeiro Militar de Salto Veloso foi...

Carro com placas de Caçador se envolve em acidente fatal

Carro com placas de Caçador se envolve em acidente...

Carro capota no interior de Rio das Antas

Os Bombeiros Militares de Rio das Antas atenderam na...

Cantora caçadorense vai ao Rio Grande do Sul entregar donativos

A cantora caçadorense Bruna Manenti está em viagem para...

Condutor é resgatado após saída de pista em Pinheiro Preto

Condutor foi resgatado após saída de pista em Pinheiro...
Publicidade