Rádios RBV

Menu

Videira, Caçador e Tangará terão corte de quase R$ 4 milhões

Situação ocorrerá por mudança de entendimento realizado pelo STF

Fonte:
Ernesto Júnior | RBV Rádios

Os municípios de Videira, Caçador e Tangará terão corte de quase R$ 4 milhões no Salário Educação. Já Santa Catarina sentirá um corte de R$ 176 milhões após decisão do Supremo Tribunal Federal. A situação ocorre, pois o STF, mudou os critérios de distribuição do Salário Educação. A contribuição é realizada por empresas privadas que ajudam a financiar a educação básica no Brasil.

O órgão máximo da justiça brasileira, julgou correta a ação movida pelos estados nordestinos, que questionam a utilização da arrecadação estadual como critério para distribuição do Salário Educação. Sendo assim, passará a valer apenas os números matrículas. O entendimento do STF é de que o novo formato trará uma repartição mais justa do recurso para com os estados e municípios.

Durante a sua visita em Arroio Trinta, o governador Jorginho Mello – PL, comentou a situação de Santa Catarina. De acordo com Mello, “[…] historicamente nós do Sul do Brasil perdemos dinheiro, infelizmente. Não é descriminação, não é falar mal de ninguém”, afirmou.

- Publicidade -

Antes Senador por Santa Catarina, Mello afirmou que atualmente a cada R$ 100enviados para o Governo Federal, recebe novamente apenas R$ 10. Para ele, Santa Catarina não pode ser penalizada.

“Vamos continuar a luta, todos os estados do sul e do sudeste, pois nós somos 7 estados, para que a gente consiga fazer com que o Governo Federal se sensibilize. Assim a gente tenha mais alguns ganhos, para que a gente possa fazer frente as despesas que a cada dia mais se avoluma”.

O trecho citado pelo governador, diz respeito ao fato de que foram os estados do Sul e Sudeste os afetados pelo corte. 

Reportagem exibida na edição de 15 de novembro do RBV Notícias

Videira, Caçador e Tangará terão corte de quase R$ 4 milhões

Em Santa Catarina a cidade que terá o maior perda é Joinville, com R$ 15 milhões. No Planalto Norte, municípios como Mafra e Canoinhas perderão mais de R$ 1,2 milhão. O site do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, disponibiliza uma tabela com os dados atualizados.

Segundo o órgão, Videira perderá R$ 1.362.569,34, Caçador sentirá um corte um pouco maior, de R$  1.824.091,52 e Tangará de R$  229.189,86, totalizando R$  3.415.850,72. 

Portal RBV nas redes sociais

YouTube

Facebook

Instagram

TikTok

Participe do grupo no Whatsapp do Portal RBV e receba as principais notícias da nossa região.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Últimas Notícias

Previsão do Tempo: Santa Catarina com novo período de chuva

A previsão do tempo para Santa Catarina apresenta que...

Entenda um pouco mais sobre a leptospirose

O segundo óbito por leptospirose relacionado às enchentes no...

PM realiza a Operação Maio Amarelo para conscientização no trânsito

Com o tema “Paz no Trânsito Começa por Você”,...

Governo avalia vetar taxação de compras internacionais

Em declaração feita nesta quinta-feira (23), Governo avalia vetar...

Evento conscientiza sobre a exploração sexual de crianças e adolescentes

O Clube de Convivência da Terceira Idade em Macieira...

Mais Lidas da semana

Novo acidente com vítima na SC-355 em Videira

O domingo (19) começou com o registro de mais...

Lotofácil tem 14 apostas catarinenses entre as vencedoras

Lotofácil teve 14 apostas catarinenses entre as vencedoras que...

Apostas de SC levam fatia de prêmio milionário da Mega-Sena

Apostas de SC levam fatia de prêmio milionário da...

Capotamento deixa motorista gravemente ferido em Lebon Régis

O Corpo de Bombeiro Militar de Lebon Régis atendeu...

Carro sai da pista e capota em Salto Veloso

Um carro saiu da pista e capotou em Salto...

Outros Tópicos Interessantes